Botas Salto Agulha

Botas Salto Agulha

sábado

Plano de Carreira; definir, planejar e atuar.

Um conjunto de procedimentos determina Cargos, Funções e Salários. Torna-se fundamental identificar a realidade do empregador, assim como as necessidades, diretrizes, visão, missão, projeção de mercado, metas e valores que envolvem a Cultura e o Clima Organizacional de uma empresa. Conhecer as políticas da organização também engloba descrever as Remunerações, os Benefícios, os Incentivos, a preocupação o Plano de Carreira e o Desenvolvimento Profissional e Pessoal de seus colaboradores. Funcionários contratados e candidatos potencialmente aptos devem entender de forma honesta e clara seu campo de atuação para que se comprove atração pelo exercício profissional. Critérios bem definidos de Descrição de Cargos e Salários estabelecem um roteiro capaz de auxiliar todo o processo de Recrutamento, Seleção, Treinamento, Capacitação, Desenvolvimento e Retenção de Talentos. Tal descrição deve contar com a colaboração dos Gestores de Recursos Humanos, Gestores em geral, Gerentes, Coordenadores, Líderes, Supervisores de Linha e Encarregados de Produção para Análise de Cargos e Funções e Definição de Perfil desejado. Todos os ramos de atuação devem estar integrados e envolvidos como forma de estratégia de sobrevivência no mundo atual, visando à importância da adaptabilidade necessária e proativa às mudanças inevitáveis. Devemos considerar também que de acordo com autores como Mário Persona, o Plano de Carreira não obedece mais a lentidão do passando porque hoje funciona de forma multifacetada, veloz e dinâmica exigindo maior criatividade. É preciso sensibilidade, observação, simplicidade, flexibilidade e disponibilidade para a mudanças que podem trazer vantagens e exigem a observância de saber correr riscos para alcançar satisfação no mercado competitivo atual.

Compreende-se como Cargo o conjunto de funções semelhantes com suas devidas tarefas relacionadas. Sendo Funções o conjunto de tarefas atribuídas ao Cargo. Tarefas são o conjunto de procedimentos de esforço físico ou mental exercidos. O salário é o conjunto de remunerações básicas recebidas pela atuação em determinado cargo. A Carreira se refere a mobilidade e ou a estabilidade ocupacional, sugerindo um caminho gradual estruturado e organizado no tempo e no espaço relacionado-o a uma seqüência de atitudes, comportamentos e experiências envolvendo uma série de estágios e a ocorrência de transições que refletem necessidades, motivos e aspirações individuais e expectativas e imposições da organização e da sociedade.

Para elaborar a descrição de um cargo é preciso detalhar “o que” se faz, “como” se faz, “porque” e “para que” se faz em determinada ação para a realização do exercício do trabalho. É importante considerar o nível de conhecimento, complexidade e responsabilidade exigidos. Incentivar o aprimoramento destas ações aumenta a eficiência e eficacia na realização de tarefas. Por isso, estudos e treinamentos e todo o tipo de informação e formação, teórica e prática, auxiliam na capacitação e especialização profissional.

Subsidiado pela definição de cargos e salários e correlacionando-o a realidade da empresa, torna-se possível estabelecer um Plano de Carreiras. Projetos de Carreiras são importantes para captar e manter talentos humanos nas organizações motivando experiências necessárias para aproveitar oportunidades de desenvolvimento profissional e pessoal e alcançar metas. Os principais objetivos para o Planejamento de Carreiras está em desenvolver nas pessoas um espírito crítico em relação ao seu comportamento diante da carreira, estimular e dar suporte a um processo de auto-avaliação visando o planejamento individual, oferecer uma estrutura para a reflexão das pessoas sobre a realidade profissional e pessoal, e disponibilizar ferramentas para desenvolver objetivos de carreira e planos de ação e para monitorar a carreira ao longo do tempo.

O mundo globalizado não suporta processos longos e lentos como antigamente, uma visão estratégica deve embasar o Plano de Carreiras para evitar o engessamento do desenvolvimento da carreira fazendo com que um leque de alternativas seja aceito porque a mudança contínua é inevitável. Organizações complexas modernas estão rompendo paradigmas em gestão e em valores sociais. Processos de informação, comunicação, tecnologia, materiais e equipamentos dão agilidade e rapidez ao mercado impulsionando o tempo e gerando movimentos que exigem renovação, flexibilidade, adaptabilidade, decisões hábeas, abertura às novas possibilidades, aprendizados constantes, conhecimentos distintos e percepção para entender que é possível encontrar grandes analogias em atividades distintas. Durante as aulas da disciplina de Administração de Cargos e Carreira foi possível constatar o exemplo de Mário Persona, um arquiteto graduado que se tornou consultor de comunicação e marketing e escritor.

Para apresentarem-se aptas a desenvolver e manter estes diferenciais as organizações enfrentam o desafio de gerir pessoas dispostas a renovarem-se continuamente, administrar pessoas estacionadas e sem apetência por se desenvolverem profissionalmente, compatibilizar as expectativas e o rítmo de desenvolvimento pessoal com os da empresa e estimular e oferecer o apoio condizente com uma postura empreendedora e inovadora. A responsabilidade pela administração de carreiras deve ser vista como compartilhada entre empresa e as pessoas de forma engajada e comprometida com o gerenciamento de oportunidades, planejamento e resultados a serem alcançados.

.

Crica Fonseca

2 comentários:

Talita disse...

Cris,
sei que não tem nada a ver com essa sua postagem, mas só pra divulgar: http://thomaz-magalhaes.blogspot.com/

acabou de sair do forno.
bjooooo

Crica Fonseca disse...

Obrigada pela dica!
Beijo,
Crica